Quanto peso aguenta um colchão? Qual o peso limite do colchão?

Aquela fantasia de criança de ter colchões grandes e fofinhos pela casa para poder pular em cima o dia inteiro pode parecer deliciosa – mas, para o bem do seu bolso, deve permanecer apenas no campo das fantasias. Primeiro porque haja mola para que os colchões aguentem tanta “pulação”. Segundo porque a quantidade excessiva de peso no colchão (que aumenta consideravelmente com o impacto) pode ser fatal para a utilidade do produto.

Os fabricantes em geral afirmam que a quantidade máxima de peso no colchão é de até 150kg – o que dificulta bem a vida de quem está em sobrepeso, porque ainda não há tecnologia que possa aumentar a capacidade de peso no colchão. O peso é limitado principalmente pelos processos de fabricação dos colchões, incluindo as espumas utilizadas na confecção. Em seu limite máximo, os colchões podem durar de sete a dez anos. Nos casos em que são submetidos a pesos acima de sua capacidade, a vida útil dos colchões pode cair pela metade.

Ao comprar o produto, o que deve ser observado é a densidade do colchão, para se ter certeza da melhor escolha. Como o ser humano passa cerca de um terço de sua vida inteira deitado em cima de colchões, e uma hora ou outra encontra alguém para dividir o cantinho, ultrapassando os 150kg, dependendo do porte do casal, saber a densidade do colchão é mais do que importante na hora da compra.

Para medir a densidade do colchão e saber qual é o certo para você, existe uma “tabela de adequação de densidade”, encontrada no varejo e lojas especializadas, que calculam a densidade ideal de acordo com o peso e altura do(s) futuro(s) donos. Além da densidade do colchão ser ideal, é necessário para a vida útil do produto que o peso no colchão também seja respeitado ao seu limite de 150kg e que os colchões, independente de serem de solteiro ou casal, tenham pelo menos 30cm de altura. A quantidade de molas, espumas ou características ortopédicas ideais vai depender do gosto de quem vai comprar. Mas para manter os colchões pos seus padrões de qualidade é preciso respeitar a essas regrinhas básicas.

Se você notar que o seu colchão perdeu todo o conforto e que a qualidade do seu sono está muito distante daquela necessária para se ter um bom dia, é um sinal de que ele não está mais aguentando o peso exercido – pelo tempo de uso ou pelo ganho de peso do usuário do colchão. Essa é a hora de comprar colchão e garantir momentos de prazer na hora do descanso. Não hesite em investir no seu colchão, pois como já foi dito, é nele que passamos um boa parte de nossa vida, e um bom colchão, é garantia de qualidade de vida.