O que é o curso de tecnologia em logística?

No curso tecnico em logistica, seja na faculdade de logistica presencial ou no curso de logistica a distancia o aluno precisará estudar por dois anos, cumprindo uma carga horária de 1.780 horas, dividida em 4 (quatro) semestres e organizadas em 8 (oito) módulos.

A faculdade de logistica a distancia na modalidade ead (ensino a distancia), é uma boa opção para quem busca por uma formação em tecnologo em logistica a distancia para obter uma boa posição no mercado de trabalho, mas não possui muito tempo para se dedicar aos estudos.

A opção de poder de assistir as videoaulas em casa, ou quando viajar, em qualquer lugar que tenha acesso à internet, deixa a preparação fica muito mais dinâmica no curso de logistica a distancia. E ainda, dentro do Ambiente Virtual de Aprendizagem, também conhecido como AVA, é possível acessar os materiais digitais do curso de logistica ead no formato PDF. Este conteúdo ajuda a complementar as explicações que são passadas durante as videoaulas da graduação em letras.

 

Logistica faculdade: grade dos 4 (quatro) semestres

No início do curso tecnico ead de logistica, no primeiro semestre, o aluno aprenderá as disciplinas de Filosofia das Ciências Sociais (60h), Empreendedorismo (60h), Prática Textual em Língua Portuguesa (60h), Sociologia Geral (60h), Fundamentos da Economia (60h), Métodos e Técnicas de Pesquisa (60h) e Gestão de Pessoas (60h).

Ainda no primeiro ano curso tecnico online em logistica, mas no segundo semestre, o aluno aprenderá sobre Legislação Empresarial (60h), Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais (30h), Comunicação Empresarial (60h), Língua Brasileira de Sinais – libras (30h), Administração da Produção e Materiais (90h), Gestão de Operações e Estoques (90h) e Atividade Integradora I (15h).

Durante o segundo ano do curso de logística ead, no primeiro semestre, serão mostradas as matérias de Gestão da Cadeia de Suprimentos (90h), Canais de Distribuição de Marketing (90h), Educação Ambiental e Cidadania (30h), Logística Reversa (90h), Gestão de Compras e Fornecedores (90h) e Tópicos Especiais em Logística (30h).

Ainda no segundo ano da faculdade de logistica, mas no semestre seguinte, serão ensinadas as disciplinas de Gestão de Custos e Riscos Operacionais (90h), Logística e Transporte Internacional (90h), Gestão de Transportes (90h), Mobilidade e Logística Urbana (90h), Sistemas de Movimentação e Armazenagem (90h) e Atividade Integradora II (15h).

 

Atividades complementares no curso de logistica

Por fim, ainda antes de obter o diploma, será necessário também comprovar um total de 100 (cem) horas de atividades complementares. Mas é importante ressaltar que estas atividades de complementação das horas já podem ser realizadas desde o primeiro módulo do curso de logística.

Para você entender melhor, como o próprio nome já diz, as atividades complementares são atividades extras, que devem ser realizadas pelos alunos fora do período de suas aulas regulares. Caso o estudante não cumpra essas 100 horas de atividades complementares, não entregando os certificados que comprovem o cumprimento das atividades complementares, ele não poderá participar da colação de grau e consequentemente não conseguirá receber o diploma do curso superior de logistica.

Por isso é importante ficar atento e não deixar para cumprir toda a carga necessária muito perto do final do curso superior em logística. O mais indicado é ir distribuindo o total de 100 horas ao longo dos quatro semestres, ou dois anos, de curso. Por exemplo, você pode tentar cumprir pelo menos 25 (vinte e cinco) horas por semestre. Dessa maneira não ficará cansativo e quando chegar ao final do curso já estarão quase completas as 100 horas e você não precisará se preocupar para poder participar da colação de grau e obter seu diploma de tecnólogo em logística com tranquilidade.

Fique sabendo ainda que, entre as atividades complementares que poderão ser aceitas pela faculdade estão a participação em semanas acadêmicas, congressos, seminários, palestras, conferências, atividades culturais, cursos de extensão e/ou atualização acadêmica e profissional, atividades de iniciação científica e monitoria. Existem ainda algumas instituições que aceitam até também uma declaração do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) tanto do curso necessário para trabalhar como mesário, como também das horas em que você exerceu as atividades eleitorais, nos dois turnos das eleições (tanto municipais, como estaduais e até federais).

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *